Júlia do SEO

Google Web Stories: o que são, como fazê-los e guia com boas práticas

Publicado por 

, em 

Vejo no conteúdo:

Nos últimos anos, o surgimento de várias redes sociais e de seus novos formatos de conteúdo foram adaptando a maneira como os usuários consomem informações na internet. Redes sociais como Instagram, Facebook, Youtube e TikTok dominam os celulares – e o tempo livre – das pessoas cada vez mais.

Nessa onda de redes sociais que se firmaram, em 2011 surgiu o Snapchat: uma rede social onde você publicava conteúdos que só podiam ser vistos uma única vez. Dessa moda, foram surgindo os stories (inicialmente ainda no Snapchat, mas ganharam força no Instagram), formato que hoje em dia domina as redes sociais e mantem as pessoas horas por dia consumindo esse formato de conteúdo.

Se adaptando às novas formas de consumir conteúdo, o Google lançou em 2021 os Google Web Stories, formatos de entrega de conteúdo diferentes e mais voltados para o consumo rápido, com informações relevantes levadas de forma original, visual e, principalmente, sucinta.

Nesse conteúdo, você vai entender o que são esses Web Stories, como criá-los e, no final, vai receber um Guia de Web Stories Gratuito!

O que são os Web Stories?

Os Web Stories são um formato de conteúdo do Google que entrega na web as informações da mesma forma que vemos nas redes sociais, através de carrosséis de imagens, com textos e informações passadas de forma mais interativa e rápida, facilitando a entrega desse conteúdo para mais pessoas e trazendo maior dinamismo para quem consome informações no buscador.

Exemplos de imagens do Google Web Stories

Essa é mais uma das ações do Google que visa melhorar cada vez mais a experiência dos usuários no buscador, entregando novos formatos de conteúdo e trazendo informações de forma simplificada, exigindo cada vez menos esforço para os usuários.

Segundo o próprio Google, mais de 100 mil stories são adicionados diariamente, um número muito impressionante em se tratando de uma ferramenta nova e, cá entre nós, mais trabalhosa para compartilhar.

A grande vantagem desse conteúdo, principalmente quando falamos de SEO, é o alcance: você não precisa ser um site com tráfego alto, não precisa ter uma autoridade alta, só precisa criar um conteúdo que esteja em alta e isso fará você, em poucos dias, ter um boom de acessos no seu site. Seguindo, é claro, as dicas desse conteúdo ;).

Onde encontrar os Web Stories no Google?

Os Google Web Stories foram feitos com um foco muito maior no consumo pelos dispositivos móveis. Isso porque imita o formato vertical dos stories das redes sociais, formato esse que as pessoas estão habituadas e navegam durante boa parte do tempo que consomem nas redes.

Apesar disso, existem algumas formas de você visualizá-los, não só em dispositivos móveis mas na web também: através do Google Discover, na busca tradicional do Google e no Google Imagens.

O Google Discover, formato menos conhecido entre os três, é aquela timeline de notícias da homepage do aplicativo do Google para dispositivos móveis. A principal vantagem dele, que é o maior responsável pelo excelente alcance dos Web Stories, é que as pessoas não precisam buscar nada para que tenham acesso a esse conteúdo, tendo chances de atingir qualquer pessoa que tenha interesses parecidos com o conteúdo do seu Web Stories.

Quais as vantagens de criar os Google Web Stories?

Agora que você já entendeu o que são os Web Stories, vou te dar alguns motivos (e alguns dados interessantes) que podem te convencer a querer fazer esses stories.

Novidade no Google

Como qualquer lançamento do Google, eles querem que dê certo. Afinal, eles não gastariam um tempo absurdo de desenvolvimento, testes, recursos, para um produto que eles não acreditem. Portanto, o Google quer que cada vez mais pessoas usem os Web Stories.

Os sites que começaram a utilizar essa ferramenta com certeza abriram vantagem competitiva: comparado à quantidade de sites que não faz isso, o Google precisou priorizar os sites que faziam, para mostrar cada vez mais para as pessoas e conseguir popularizar os Web Stories. Ainda hoje, são poucas as empresas que se utilizam desse recurso e, por isso, a vantagem competitiva ainda é bem grande.

Alcance imediato

Se você, que trabalha com SEO, publicar um conteúdo do zero hoje, quanto tempo seu conteúdo vai demorar para começar a gerar impressões? E cliques?

Os Web Stories têm um alcance inédito, gerando seu pico pouquíssimos dias após sua publicação. Antes, o esforço que demorava meses para ser visto, pode hoje demorar dias ou até horas se você souber usar essa ferramenta bem, gerando resultados muito mais rápidos e tendo uma atuação no curto prazo.

Métricas expressivas

Quem nunca quis bater mais de 10 mil cliques num único dia com uma única publicação?

A imagem abaixo mostra o dia que consegui fazer isso: publiquei um Web Story (ou Web Stories, não me entendo com esse plural) sobre uma pauta muito quente que o mundo todo estava comentando. Nesse mês eu tinha acessos quase nulos no Google Discover, e o resultado foi muito expressivo, como você pode ver abaixo no pico.

Resultados do Google Search Console após publicação de um Google Web Stories

E o melhor de tudo: seu site não precisa ser o melhor ranqueado, você não precisa ter um tráfego absurdo, nem ser o maior do seu nicho. Tudo o que você precisa é criar um conteúdo novo, muito relevante para a sua audiência e com uma pauta que traga muito valor. Quer aprender como? Vamos às dicas!

Como criar Web Stories?

Em primeiro lugar, você precisa saber que os Web Stories são criados em ferramentas externas ao seu site.

Em seu site, o próprio Google disponibiliza uma lista de ferramentas para a criação dos Web Stories. Uma que conheço e já testei é o MakeStories, excelente ferramenta que não depende de códigos, o que otimiza consideravelmente o tempo de produção e permite que você crie sem depender de desenvolvedores.

Tem um site em WordPress? Sua vida acaba de ficar 3x mais fácil: o próprio Google desenvolveu um plugin para WordPress que permite a criação de Web Stories lá mesmo. O plugin é super intuitivo e faz boa parte do serviço técnico por conta própria, te deixando apenas com a tarefa de criar o conteúdo.

Principais dicas para criar Web Stories

Quando pensamos em criar conteúdo que vai aparecer no Google, precisamos nos ater a algumas dicas que podem aumentar a performance desse conteúdo no buscador.

Definir uma keyword principal

Assim como nos posts de blog, é importante que você tenha em mente qual vai ser a palavra-chave foco do seu conteúdo. Apostar em keywords com alto volume de buscas pode ser uma forma de alcançar mais pessoas.

Título e descrição

Se num post de blog criamos title e description, não seria diferente nos Web Stories! A criação de título e descrição envolvendo a palavra-chave principal são cruciais para uma boa performance. Títulos de até 70 caracteres e descrições de até 200 caracteres tendem a performar melhor.

Outras dicas

Para garantir que você vai saber tudo que funciona para chegar ao topo com os Web Stories, preparei um Guia de boas práticas com todas as outras dicas que tenho, desde quantidade de slides ao tipo de informação que você deve colocar em cada um deles.

Para baixar, é só clicar no banner abaixo:

 

banner para fazer download de conteúdo do google web stories

Espero que você aproveite o conteúdo e alavanque seus resultados 😉