Júlia do SEO

ChatGPT e SEO: tire suas dúvidas a respeito

Publicado por 

, em 

Vejo no conteúdo:

O assunto do momento é o ChatGPT. A ferramenta, criada pela OpenAI, funciona como um oráculo que, aparentemente, tem soluções para basicamente tudo no mundo. 

Nesse post compilei todas as perguntas que recebi nos últimos dias sobre a ferramenta, o impacto dela no Google, o futuro e as tendências do SEO

Além de toda essa polêmica envolvendo o Google, SEO e o ChatGPT, comecei a testar maneiras de usar a ferramenta para facilitar o dia a dia de SEOs, que também vou compartilhar aqui. Vem comigo!

O que é o ChatGPT?

Criada pela OpenAI, uma empresa de pesquisa em inteligência artificial, a ferramenta é um chatbot (ferramenta de chat entre humanos e máquinas) gratuito que, através de dados imputados, consegue responder a basicamente qualquer pergunta feita. 

Nas últimas semanas, essa ferramenta se destacou pela quantidade de informações que ela consegue trazer, como por exemplo: redigir contratos, criar estratégias, desenvolver linhas de código e, até mesmo, situações onde a ferramenta ensinou usuários a criarem coquetéis molotov.

No universo do Marketing e principalmente do SEO a ferramenta gerou muito burburinho: ouvi hipóteses sobre o ChatGPT substituir o Google, sobre o Google comprar o ChatGPT, sobre empresas falirem por conta da ferramenta… 

Isso porque, com a tecnologia que a OpenAI entrega na ferramenta, as buscas, antes feitas em mecanismos de busca, poderiam ser respondidas pelo chatbot de maneira objetiva e completa. 

Enquanto fui escrevendo esse post, fui criando conversas com a ferramenta para contextualizar os diferentes usos dela para facilitar o seu entendimento.

Para começar, olha como foi nossa apresentação:

bate papo de apresentação com a ferramenta chatgpt

Vamos então começar a entrar mais fundo nesse conteúdo e entender tudo sobre a ferramenta no nosso universo!

O ChatGPT é seguro?

Para começar, vamos entender o nível de segurança da plataforma (que, já te adianto, eu considero muito baixo).

A ferramenta foi lançada em formato de teste, para ir se desenvolvendo com o uso de usuários.

Vou explicar um pouco melhor: uma inteligência artificial, quando é criada, funciona como uma criança e vai aprendendo coisas novas com o passar do tempo, de acordo com os estímulos e informações imputadas.

Por isso, a OpenAI lançou a ferramenta para começar a rodar os primeiros testes massivos, de forma gratuita, viral, computando mais e mais dados e maneiras de se usar a ferramenta, testando os bugs e melhorando seu desenvolvimento.

Por ser uma ferramenta em teste, ela passa informações que, não necessariamente vão condizer com a realidade.

Um exemplo disso foi meu papo com o chatbot sobre “biscoito” ou “bolacha”:

conversa sobre biscoito e bolacha com o chatgpt, onde a ferramenta muda de opinião algumas vezes, mostrando algumas inconsistências

Ou seja, a ferramenta ainda está em teste. De maneira genérica, ela atende muito bem, mas dúvidas que podem te gerar impacto na vida (assuntos sensíveis como finanças, saúde, compras, etc) não podem ser levadas em consideração ainda.

Apesar disso, o ChatGPT já teve momentos de muita serventia: conversando com outro profissional de SEO, descobri que ele criou um plugin no WordPress só com códigos gerados pela ferramenta. Como eu disse, são questões mais “genéricas” e que não vão gerar impacto no seu dia a dia pessoal, mas podem ser bem úteis para reduzir trabalhos operacionais.

Quando perguntamos para ferramenta sobre sua segurança, ela mesma sugere essa falta de segurança nas informações:

resposta do chatgpt sobre ser seguro ou não, onde ele sugere que a ferramenta não é 100% confiável porque consome informações de dados que foram imputados nela, sem necessariamente serem os dados reais

Ao contrário do Google, que te dá várias fontes de informação, escolhendo as páginas de sites que aparecem através de inúmeros critérios que evitam ao máximo trazer informações erradas, o ChatGPT ainda tem alguns passos até trazer esse nível de segurança, portanto, de maneira geral, considero a ferramenta insegura.

O ChatGPT é uma ameaça para o Google? 

Sim!

Pensa como o Google funcionava a quase 30 anos atrás, quando foi criado. Ele tinha esse nível de precisão? Ele era tão criterioso como é hoje em dia? Não, e não é a toa que o Google foi desenvolvendo algoritmos e updates que o tornaram a potência que ele é hoje, com mais de 90% de market share no mundo todo e mais de 97% no Brasil.

Além disso, o site Brazil Journal fez uma análise dos custos do Google e do ChatGPT para chegarem a uma resposta para o usuário. Ou você acha que suas buscas no Google são de graça para a empresa?

Segundo o site, o custo de uma resposta para o ChatGPT é 7x maior que o custo do Google, então por enquanto a ferramenta ainda tem um custo muito alto para entregar as informações que entrega. Até esse momento, com as imagens acima, já gastei US$0,16 (algo em torno de 80 centavos). É óbvio que a tendência é diminuir, mas ainda é uma ferramenta que precisa de muitas melhorias para chegar na eficiência do Google.

Mas, como falei na resposta anterior, o ChatGPT é uma ferramenta em teste! Se nas primeiras semanas ele consegue entregar um nível tão alto de informações, a tendência é que nos próximos anos ele ganhe mais e mais força.

Apesar dele não ser uma ameaça imediata ao Google, acredito que nos próximos anos isso possa balançar a empresa, que finalmente está tendo um possível concorrente à altura.

O que o Google está fazendo em relação a isso?

Segundo o New York Times, eles entraram em contato com funcionários do Google após o lançamento da ferramenta e alguns gerentes relataram uma situação de “código vermelho” na empresa, ou seja, o Google está em estado de alerta.

O NY Times ainda diz que o Google já tem uma ferramenta para competir com o ChatGPT, mas o fato é que cerca de 80% da receita do Google vem de anúncios, e com um chatbot esse valor cairia consideravelmente ou até deixaria de existir, botando o modelo de negócio do buscador em risco.

Apesar disso, muito provavelmente veremos ainda em 2023 essa movimentação do Google na direção de implementar mais praticidade e IA (inteligência artificial) no dia a dia. Em maio, quando geralmente acontece o Google I/O, provavelmente saberemos mais detalhes sobre essas implementações!

SEO vai acabar por conta do ChatGPT?

Não!

Enquanto existirem buscas na internet, não existe uma maneira do ChatGPT acabar. O que pode acontecer é mudar a maneira de trabalhar o SEO do seu site, de forma que as inteligências artificiais consumam seu conteúdo e o sugiram para usuários.

Vou te dar um exemplo: o ChatGPT tem informações até o ano de 2021, então nada do que aconteceu depois disso está registrado na ferramenta. Mas por ser uma ferramenta que se alimenta de dados e está em aprendizado constante, toda informação nova que recebe fica registrada. Se liga no bate papo que tivemos sobre quem sou eu (Júlia do SEO):

bate papo de apresentação com a ferramenta chatgpt

Hoje em dia, a ferramenta não armazena dados como esse para levar informações a outros usuários porque sua última atualização foi com dados de 2021, mas considerando que em algum momento ela vai precisar trazer dados em tempo real, esse pode ser um dos formatos de indexação.

Esse é um exemplo simples de como pode funcionar o SEO daqui a algum tempo: serão outras formas de criação de conteúdo, mas ainda vão valer as mesmas regras: aqueles que forem mais falados, mais compartilhados e se mostrarem mais relevantes no mercado, ainda serão destaque nas buscas.

O ChatGPT vai substituir redatores e profissionais de conteúdo?

Não!

As ferramentas de inteligência artificial só conseguem se desenvolver com base em informações já conhecidas.

É claro que, aqueles redatores que não costumam trazer pessoalidade, informações relevantes, análises e um conteúdo diferenciado tendem a ficar para trás, mas é impossível que uma ferramenta consiga substituir o formato de escrita que ganha cada vez mais destaque nos conteúdos.

O que vejo é que as ferramentas de inteligência artificial como um todo estão aumentando o “crivo” de usuários e buscadores ao lerem um conteúdo.

Conteúdos rasos, sem informações relevantes, sem dados, sem autoridade, vão ficando cada vez mais para trás (não só nos buscadores como no gosto dos usuários), e cada vez se destacam mais aqueles que trazem personalidade e autoridade para o conteúdo.

Para exemplificar: é possível que uma inteligência artificial – como o ChatGPT – crie um conteúdo como esse que estou criando? Com exemplos, pontos de vista, fontes, análises e estudos? Muito honestamente, acho difícil uma máquina chegar no mesmo nível que pessoas escrevendo um dia.

Vou deixar aqui a resposta do próprio ChatGPT como informação adicional:

Eu perguntei: “Você consegue substituir redatores na hora de criar um texto de blog?”

A resposta: “Sim, eu posso ajudar a escrever textos de blog. Posso gerar conteúdo original baseado em informações fornecidas, como um tópico ou uma ideia geral. No entanto, é importante lembrar que eu sou apenas um modelo de computador e minha escrita pode não ser tão refinada ou criativa quanto a de um redator humano. Além disso, eu não posso verificar a precisão das informações ou garantir que o conteúdo seja apropriado para o público-alvo específico. É recomendável revisar e editar qualquer texto gerado por mim antes de publicá-lo.”

Se nem ele se garante, quem sou eu pra usar um conteúdo desses no meu site? 😉

Como o ChatGPT pode ajudar nas rotinas de SEO?

Apesar de ser uma ferramenta em teste, existem algumas tarefas básicas do dia a dia de SEO que podem ser otimizadas com o ChatGPT. Vou compartilhar todas que já testei e usei, mas essa vai ser uma lista atualizada frequentemente, então salva esse post nos favoritos pra conseguir acompanhar todas as rotinas que você pode otimizar com a ferramenta.

Minificar códigos HTML, CSS e JS

Vi muitos conteúdos sobre a plataforma ajudar a criar códigos, mas pensei: será que eles estão otimizados pra SEO?

Foi quando testei com um código que tinha que subir no site de um cliente: subi o código na ferramenta e ela minificou pra mim, otimizando e reduzindo o tempo de carregamento da página.

Testei de novo: pedi para o chatbot criar um código pra mim e em seguida pedi pra minificar e funcionou perfeitamente!

Essa pode ser a sua solução para aquelas tasks que ferramentas como o PageSpeed Insights e o Semrush notificam quando seu site está com a performance prejudicada por isso.

Buscar tópicos de conteúdos

Tem algum assunto que você precisa falar e não tem ideias de conteúdos nem ferramentas pagas de pesquisa de palavras-chave para começar?

O ChatGPT pode te ajudar nessa task!

No exemplo abaixo pedi pra ferramenta me ajudar a criar conteúdo com o tema “Rações hipoalergênicas”, assunto muito falado aqui em casa porque tenho duas cachorras alérgicas hahahah

Se eu fosse começar um site sobre pets, já teria aqui uma Pillar Page e algumas Clusters para começar a brincadeira.

sugestôes de topicos do chatgpt sobre a pauta rações hipoalergenicas

Tirar dúvidas de SEO de maneira geral

Se toda pergunta que você faz é respondida pela plataforma, por que não tirar dúvidas que apareçam no seu dia a dia?

Supondo que você tenha publicado uma página 1 mês atrás e essa página ainda não esteja indexada, quais seriam os possíveis motivos?

resposta do chatgpt para a dúvida "possíveis motivos para uma página não indexar"

São várias as maneiras de usar a ferramenta para te ajudar com questões do dia a dia! Desde dúvidas como “O que é SEO?” até solicitações como “Checklist de SEO para blog posts”. Usando a criatividade você encontra muito mais formatos!

Já existe alguma ferramenta de inteligência artificial para SEO?

Sim! E é brasileira!

Na última semana conheci a Iana, uma ferramenta de IA 100% voltada para SEO. Em um bate papo com os criadores, consegui ver a performance da ferramenta e fiquei impressionada com a eficácia.

Diferente do ChatGPT, ela tem muito mais inputs de SEO e tende a ser cada vez mais eficaz, mas sua versão inicial já ajuda com muitas rotinas:

  • Peça a estrutura de Headings do HTML de um post de blog no assunto X
  • Peça para a ferramenta definir um título para a estrutura acima
  • Peça uma meta description de 150 caracteres

Enfim, sugiro que você tire um tempinho testando para ver todas as possibilidades de rotinas do seu dia a dia que podem ser otimizadas, mas a ferramenta tá só no começo e pode ser cada vez mais útil e funcional

Considerações finais sobre SEO e ChatGPT

Podem respirar, SEOs e redatores! Não estamos correndo risco.

Sempre precisaremos de bom conteúdo aparecendo na internet, e as empresas sempre precisarão de profissionais com as nossas skills para encontrarem as melhores estratégias e fazer isso acontecer.

Mas, o que não muda em SEO é: precisamos estar sempre atualizados. Principalmente em tempos como os de hoje, com uma quantidade enorme de ferramentas, tecnologias e informações surgindo, nosso papel é correr atrás de todas as atualizações e não parar de estudar! Isso, meu povo, não vai mudar nunca 🙂

Por isso, se você quer aprender mais sobre SEO para redação ou se você quer se tornar analista de SEO, aproveita pra dar uma olhadinha nos meus cursos!